Margaret Dayhoff

A cientista Margaret Dayhoff é considerada a mãe da Bioinformática. Ela nasceu nos Estados Unidos em 1925, graduou-se em matemática, obteve ser doutorado em Química Quântica e foi a inventora de importantes conceitos para o surgimento da Bioinformática e que são muito utilizados na atualidade. Quando os computadores ainda usavam cartões perfurados, desenvolveu programas para calcular a energia de moléculas orgânicas. Quer saber mais sobre as contribuições dessa cientista para a Bioinformática? Assista esse vídeo!

Ler mais

Online Bioinfo

Redes Sociais